Casa Coma 03 / Juan Marco Marco

Com um desnível de aproximadamente 18 metros entre a rua de acesso (limite inferior) e o caminho (limite superior), o declive acentuado do terreno afeta a primeira estrutura de organização.

casa_coma_03_juan_marco (1)

Como decisão inicial determinou-se acessar a casa quase de dentro da montanha, elevando a cota para o desenvolvimento do programa da residência. O processo tem como objetivo construir esta estrutura privilegiando a relação com o exterior (terraços, encostas, jardins) e com a paisagem distante – os pontos de vista que existem do leste a oeste, quase coincidentes com a trajetória do sol.

casa_coma_03_juan_marco (3)

casa_coma_03_juan_marco (2)

Mistura mais que empilhamento e alguma complexidade no interior, que não se expressa na volumetria simples que se acomoda na encosta.

casa_coma_03_juan_marco (5)

O sistema de pátios e vazios gerados permite uma boa ventilação no verão, além de servir como espaço de transição entre o ambiente doméstico e o entorno, criando, desta forma, uma eficiente relação interior-exterior e tamisando a luz proveniente desde o exterior.

casa_coma_03_juan_marco (9)

Projeto: Juan Marco Marco , 2010

Localização: La Coma, Borriol, Espanha

Fotografia: Juan Marco Marco

Texto: Juan Marco MarcoTradução, Adaptação: archtendencias

Artigo Anterior © RVDM Arquitectos Edificio Live’in / RVDM Arquitectos
Próximo Artigo © Mayte Piera Residência em Monasterio / Ramon Esteve